Rumo à 2012

A Indy realizou testes em Fontana com o novo chassi, o DW-12, os pilotos que foram pra pista desta vez foram Ryan Briscoe da Penske, com o motor Chevy e Scott Dixon da Chip Ganassi, com o motor Honda. Uma sessão de testes de pneus também foi realizada.
   A entrega do primeiro chassi às equipes está programada pra próxima semana. E uma janela de testes será aberta em meados de janeiro. A temporada 2012 terá inicio em 25 de março, em St. Petersburg, o evento no Auto Club Speedway será em 15 de setembro, os ingressos podem ser comprados à partir de 30 dólares.
   E Randy Bernard anunciou mudanças no comando da Indy, Terry Angstadt, renunciou ao cargo de presidente da divisão comercial, e será substituído por Marc Koretzky, que desde maio era diretor de desenvolvimento de negocios corporativos.
   Brian Barnhardt que acumulava os cargos de presidente de operações e diretor de provas, deixa a direção de provas, a Indy ainda estuda os substitutos. Barnhardt é o representante dos EUA na FIA, está na Indy desde 1994 quando começou como superintendente do Indianápolis Motor Speedway, antes disso trabalhou por 12 anos em varias funções com equipes da Indy. Mesmo com toda experiencia e capacidade, ele enfiou o pé na jaca em 2011.

Anúncios

Morre Jim Rathmann

   Jim Rathmann, morreu nesta quarta feira num hospital em Melbourne, Florida. Rathmann tinha 83 anos e estava internado há nove dias, após sofrer uma convulsão em sua casa.
   Jim Rathmann venceu as 500 milhas de Indianapolis em 1960, numa disputa épica com Rodger Ward. Ao todo foram 14 participações na Indy 500, entre 1949 e 1963, chegou em segundo nos anos de 1952, 1957 e 1959. Rathmann fez também três provas na NASCAR entre 1949 e 1951.

Smoke Campeão

Digo sem medo de errar que a Ford 400, deste domingo, em Homestead, vai entrar pro hall das provas lendárias da NASCAR.
   Carl Edwards fez uma temporada regular, venceu apenas uma prova, e se classificou sem dificuldade para o Chase, Tony Stewart por pouco não fica de fora da disputa. O dois desembarcaram em Miami depois de grandes disputas no Texas e em Phoenix, e uma grande atuação de Tony Stewart em Martinsville, a expectativa pra prova não poderia ser outra: eles iriam duelar pela vitória.
   Edwards correu muito bem, mas Tony Stewart mostrou porque é um dos maiores do mundo, deu uma aula de persistência e técnica, e por que não dizer também, de estrategia. Mesmo com tudo querendo dar errado, Smoke venceu, seu terceiro titulo na NASCAR, primeiro como dono de equipe, em um campeonato que foi a cara da NASCAR.
   Grande temporada de 2011, mau posso esperar por 2012.

Stenhouse Jr. é campeão

   Como já era esperado Ricky Stenhouse Jr. conquistou hoje em Homestead o titulo na NASCAR Nationwide Series. O piloto da Roush chegou à Miami precisando de muito pouco, um 38º lugar pra ficar com o titulo, chegou na segunda colocação e levantou a taça.
   A corrida foi morna, e foi vencida pelo campeão de 2010, Brad Keselowski, Sam Hornish Jr. também fez uma boa prova, ficando na 7ª colocação.
   Agora é esperar pela decisão amanhã entre Carl Edwards e Tony Stewart. Edwards larga na pole, Stewart em 15º, mas como o que interessa é a posição de chegada…
   O Nascar Brasil estará sorteando amanhã no chat uma miniatura do #48 e uma bandeira do #24, apareçam.

Austin Dillon campeão.

Na noite desta sexta-feira, Austin Dillon se tornou o mais jovem campeão da NASCAR Camping World Truck Series. Johnny Sauter venceu a prova, que acabou antes do previsto por causa da chuva, chuva que atrapalhou bastante as atividades de sexta-feira em Homestead.
   A vitória de Sauter não foi o suficiente para superar Dillon, que precisava apenas de 16º lugar para ficar com o titulo. O Rookie do ano ficou com Joey Coulter, companheiro de equipe de Dillon.
   Piquet terminou a prova na quarta colocação, e ficou com a 10ª posição no campeonato. Paludo abandonou a prova  por problemas no motor e ficou com a 17ª colocação no campeonato. Nelsinho volta á pista logo mais para a prova da Nationwide Series, onde fará sua primeira corrida em sua nova equipe, a Turner Motorsports, corrida esta que deve dar o titulo à Ricky Stenhouse Jr, piloto do Jack Roush.

Notas da Indy

   E a Lotus deu sinal de vida na Indy. A HVM anunciou parceria com a montadora, a equipe também mantém o patrocinador, e deve manter também a piloto Simona De Silvestro. Outro time que fechou com a Lotus foi a Dreyer & Reinbold, que terá dois carros no grid de 2012, e poderá alinhar outro nas 500 milhas, como sempre faz.

   A Panther anunciou a renovação com Hildebrand, o que já era esperado, o contrato vai até 2013.
   Charlie Kimball é outro que acertou sua permanência na Indy, segue com a Chip Ganassi com o patrocínio da Novo Nordisk.
   As noticias ruins são: No lugar do GP de Motegi entra uma prova na China, e ainda não tem um calendário definido, apenas algumas datas já confirmadas.

O Terrivel Sam Hornish Jr.

   E no aniversário de dois anos deste blog que ninguém lê, um belo presente, Sam Hornish Jr. venceu sua primeira corrida na NASCAR, em Phoenix, palco também de sua primeira vitória na Indy, aliás, na ultima vez que a Indy correu Phoenix ele venceu também. Na verdade foi uma dobradinha da Penske, com Brad Keselowski chegando em segundo.
   Hornish já havia até esquecido de como comemorar uma vitória, sua ultima vitória foi em 9 de junho de 2007, no Texas, ainda na IndyCar, 
   E parece que a Nationwide está decidida, Ricky Stenhouse Jr. precisa de muito pouco pra ser campeão em Homestead.
   Que essa vitória marque um começo de uma fase vitóriosa como foram os anos em que Hornish correu na Indy, foram 3 títulos e uma Indy 500.
   Sei que não importa pra ninguém, mas este é o post numero 300 do blog, acho que escrevo muito menos do que gostaria.