Cinco vezes Keselowski

Índice

Quem não assistiu a etapa de Chicago na tarde de hoje, perdeu uma grande corrida, e o resultado não poderia ser melhor (na verdade poderia, mas está de bom tamanho), grandes disputas e Brad Keselowski levando o Ford Fusion #2 ao Victory lane pela quinta vez em 2014.

Brad largou atrás, vigésimo quinto, fez um grande trabalho, junto com seu Crew Chief, Paul Wolfe, e assumiu a liderança, eu erro num pit stop custou caro e Brad perdeu varias posições, se recuperou e num momento em que Kevin Harvick e Kyle Larson duelavam ferozmente pela liderança, Brad se meteu na briga, assumiu a ponta e aproveitou pra abrir vantagem, enquanto Harvick e Larson continuavam seu duelo atrás dele, quando parecia que a prova estava ganha, Danica Patrick e Ricky Stenhouse Jr. bateram e provocaram uma bandeira amarela, ela disse que a culpa foi dele, não adianta discutir, Stenhouse vai dormi no sofá. Na relargada, Brad manteve a ponta, e quem chegou pra festa foi Jeff Gordon, que deixou Harvick pra trás e passou a duelar com Larson pela segunda posição, enquanto Keselowski abria vantagem novamente. Mesmo fora do Chase, Kyle Larson correu como se estive na disputa, mal posso esperar pra ver o que ele será capaz de aprontar daqui algum tempo, com um pouco mais de experiência. Aric Almirola era outro que vinha tendo uma ótima tarde, brigando por um top 5, até seu motor estourar, uma grande frustração pra ele, e pro time de Richard Petty.

Agora a noite, manhã de segunda-feira na Austrália, foi anunciado um acordo entre Team Penske e Dick Johnson Racing, uma parceria para o campeonato de 2015 da V8 Supercars, com Marcos Ambrose ao volante do icônico Ford #17.

Não tenho duvidas de que essa parceria será um sucesso.